Rio Lifestyle: sucos prensados a frio

  • Minha opinião sobre os sucos prensados a frio cariocas.
    Minha opinião sobre os sucos prensados a frio cariocas.
  • GreenPeople: meu vício desde o início
    GreenPeople: meu vício desde o início
  • Amì: perfeito para encomendar avulsos conforme sua vontade e desejo
    Amì: perfeito para encomendar avulsos conforme sua vontade e desejo
  • Suco Prensado: preocupação com o máximo de frescor
    Suco Prensado: preocupação com o máximo de frescor
  • Vivo Orgânico: explore os pacotes de acordo com seu momento nutritivo
    Vivo Orgânico: explore os pacotes de acordo com seu momento nutritivo

Como eu já disse antes, o carioca tem vocação para saúde. Estamos sempre sedentos por uma vida mais saudável que compense tanto stress, trânsito e outras fontes de frustração.

E, no meio do caos, algumas alternativas interessantes têm aparecido. Mesmo que ainda seja um começo, o Rio agora tem feiras orgânicas, alguns bons restaurantes verdes e um mundo de gente se aventurando em atividades ao ar livre. 

Uma dessas novidades que tem tudo a ver com o Rio são os sucos prensados a frio. A gente sempre gostou de suco natural e nada substitui aquela parada depois da praia para tomar um bom suco – que isso não mude nunca! Mas, o suco prensado é outra história. 

Aqui vai um pouco das minhas impressões.

O que é?

O suco prensado a frio é feito com uma máquina que mói todos os ingredientes com uma lâmina que fica afastada do motor para se manter fria. A massa produzida a partir daí é colocada em um saco que será prensado até extrair a última gota de suco.

O que isso significa?

Primeiro que não ouve oxidação no suco por causa da lâmina fria. As enzimas das frutas permanecem vivas, o que não ocorre quando se usa uma centrífuga ou liquidificador. Algumas pessoas são céticas com relação a este benefício, achando que existe um pouco de aquecimento. O segundo ponto é a eficácia e, com relação este ponto, parece que existe um consenso. A prensagem a frio é considerada como método mais eficaz para se extrair o máximo de nutrientes dos alimentos.

Benefícios

Vou citar apenas alguns: não leva água – o líquido que você consome é só o néctar dos ingredientes (até a última gota); não leva açúcar refinado (existem algumas marcas que usam agave, tâmaras ou baunilha, por exemplo); não tem conservantes; não tem aditivos; não é pasteurizado; podem ser entregues em casa e são muito frescos, tanto que só costumam ter validade de 3 dias no máximo.

Para quem está começando a flertar com uma alimentação mais saudável é uma ótima introdução (fácil e rápido de ingerir) e para quem quer incluir frutas na dieta diária é uma forma prática de espantar aquela preguiça que bate na hora de preparar as frutas e sucos.

O último benefício que incluo também é sobre praticidade. Nem todo mundo tem tempo para ficar fazendo feira toda semana. Logo, nada melhor do que receber seus sucos em casa já prontos e na data marcada, certo?

Teste

Quando tomei um suco prensado pela a primeira vez foi amor à primeira vista. Gostei tanto da ideia que comecei a pesquisar sobre o assunto e sobre as marcas cariocas. O que fiz nesses últimos dois meses, então, foi experimentar os sucos que descobri. Fui anotando minhas impressões, liguei para as marcas, tirei dúvidas, fiz perguntas. Agora estou eu aqui, compartilhando o que encontrei. Dedos cruzados para que ajude alguém.

Ser consumidor consciente não é tarefa fácil. A qualidade do produto nem sempre vem a frente dos interesses comerciais, mas somos nós que devemos investigar e pedir o que queremos.

Esse post é para as pessoas descobrirem esse produto, que acho que tem tudo a ver com estilo de vida do carioca. Que sirva também para refletirem sobre a importância de consumir com qualidade, mirando não só o resultado, mas todo o processo de fabricação e comercialização por trás do que estamos comprando.

No mais, deixo claro que sou uma fã da proposta, que fiquei muito feliz com o que descobri e com os benefícios que estou tendo no meu dia-a-dia. Acho que existe muito espaço para melhora, mas percebi muito comprometimento na comercialização de um produto saudável, bom e bem feito.

Custo

O preço do produto ainda é alto, mas porque o custo de produção de algo que não é industrializado, com logística de entrega e foco no frescor é caro – não dá para competir com um suco pasteurizado, que fica na prateleira dias e dias. As vantagens, contudo, superam em mil esse fato. Eu realmente gostaria que quem tivesse vontade de experimentar uma dessas marcas se guiasse pela qualidade total do produto, não pelo preço.

Ps.: Agradeço a todas as marcas citadas, que aceitaram as minhas perguntas e curiosidades, com muita paciência, atenção e delicadeza.
Ps2.: Tenham em mente que essa é a minha opinião. É uma inspiração para vocês testarem também. Depois me digam o que acharam. Eu gosto de feedback, prometo.

——————————————————

Greenpeople

Aqui em casa ficou conhecido como “suco do ET,” por causa do logo. É nosso querido. Mesmo quem tinha um certo nojinho de suco verde por aqui ficou viciado, e ainda fica pedindo mais. Impressionante.

Todos os ingredientes da Greenpeople vêm da sua própria horta, que fica entre Teresópolis e Friburgo. O que eles não conseguem produzir é comprado de agricultores locais com empresas familiares.

É o que tem a oferta de sucos mais variada. Eles entregam em casa, mas também em locais, como a Casa Carandaí (Jardim Botânico) e a Alle Café (Rio Design Barra). Se fizer a opção de pacote para ser entregue em casa semanalmente (você escolhe os dias e a quantidade por entrega), pode-se deixar as garrafas antigas separadas que eles reciclam.

Considerei “pacote completo” pela atenção ao design das garrafas, às informações no rótulo, pela estrutura de logística, desde a produção do alimento até virar um suco entregue na sua casa.

Preço unitário: 13 reais
Pacotes: 6 opções, desde Mini Detox com 5 sucos até o Family com 48 sucos (12 reais a garrafa)
Garrafas: BPA free com 350 ml
Up: melhor rótulo; com informações dos ingredientes, modo de armazenamento; validade; informações nutricionais e registro no ministério da agricultura
Down: o preço
Preferido: difícil essa pergunta. Cacauccino ou Santo Suco (para mergulhar nos verdes)

Amì Sucos Prensados

“Amì é uma palavra indígena que significa permanecer ou estar de pé.” Essa é a filosofia da marca, produzir um alimento que nos deixe firme física e emocionalmente. A estrutura da Amì ainda não é tão grande, mas eles estão chegando lá.

Sobre os ingredientes, eles são parcialmente orgânicos. As folhas são, mas a maçã o limão siciliano e o pepino, não. Eles oferecem 4 tipos de suco e um leite (com grão germinados). Têm também um pacote chamado Green Week em que se recebe só os sucos verdes (Floresta I e II). Detalhe interessante: como os sucos não levam açúcar, mas são todos feitos com maçã, por isso ficam doces na medida certa (hummm!).

Uma das diferenças dessa marca é que a entrega dos sucos pode acontecer de uma vez só. Congela-se tudo e vai descongelando conforme a necessidade. Então, cabe a você saber se dará preferência ao quesito frescor ou praticidade, fazendo pedidos conforme sua demanda.

As entregas acontecem nas segundas, quartas e sextas. Se você quiser reciclar as garrafas pode no Studio Bikram Yoga (ipanema) – eles vendem os sucos Amí lá também.

Preço unitário: 8,50 reais
Pacotes: Green Week ou avulso
Garrafas: BPA free com 350 ml
Up: preço mais acessível; a qualidade dos sucos e o perfil no instagram 😉
Down: gostaria de ver mais orgânicos no cardápio
Preferido: Floreta I e Galla (uma beleza da natureza!)

Suco Prensado

A apresentação do suco é uma graça! Você recebe ele em sacola de papel reciclado, com uma explicação sobre a filosofia da marca. Muito lindinho!

São cinco tipos de suco divididos por cor, sendo que o laranja tem 2 tipos. A maçã também é usada aqui como uma forma de deixar os sucos doces na medida certa. Fica divino! Achei uma marca bem acessível e fácil de interagir. Outra vantagem está no fato de que, mesmo não usando orgânicos ainda, os produtos são comprados de fornecedores locais, o que é o primeiro passo.

Você pode fazer dois pacotes (com 12 ou 28 sucos) ou pedir unitário. É tudo muito fácil. Você pode fazer contato pela internet, por telefone ou e-mail.

Uma importante recomendação da marca é para que não se congele os sucos. Elas acreditam que quanto mais fresco melhor, por isso incentivam o consumo em no máximo 72 horas. Ah! Vale dar uma olhada no blog. Ele tem informações interessantes sobre sucos prensados em geral.

Preço unitário: 12 reais
Pacotes: pacote 1 com 28 sucos e 2 com 12 sucos
Garrafas: BPA free com 330 ml;
Up: preço foi o mais acessível; a apresentação
Down: gostaria de ver orgânicos no cardápio
Preferido: Roxo e Alaranjado 2

Vivo Orgânico

A cara da Vivo Orgânico para mim é rosto da Linda Lerner. Sempre a vejo, todos os sábados, vendendo seus sucos na feira do Jardim Botânico. Ela fica lá cativando todo mundo, explicando em detalhes cada suco; o objetivo de cada cada detox e pack. Ainda tira dúvidas sobre como se faz o leite de amêndoas, o que é agave etc. É sério, pode passar lá que ela te explica tudo.

Os sucos Vivo Orgânico, como o nome diz, são feitos com tudo orgânico e no método de prensagem a frio. É vendido nas feiras de orgânicos do Leblon e do Jardim Botânico. Além disso, se pedir um dos pacotes receberá (em casa ou no trabalho) os sucos, em bolsas térmicas, com todas as orientações sobre que suco tomar em que hora.

Na minha opinião, o diferencial são os pacotes, tantos os de detox quanto os de purificação e energização etc. Isso porque existe todo um cardápio de opções planejadas para os diversos objetivos nutricionais que um cliente possa ter. Tem pacote para quem precisa se alcalinizar, um outro que é melhor se quiser perder peso; outro para purificar e assim vai.

Preço unitário: 10 ou 8 reais (nas feiras de orgânicos, mas o preço nos pacotes fica mais acessível)
Pacotes: 4 tipos de pacotes Detox; 5 Packs temáticos e 4 pacotes para crianças
Garrafas: Pets com 300 ml e 200ml (kids);
Up: todos os sucos são orgânicos e a diversidade de pacotes.
Down: garrafas pets
Preferido: Beta Querot (um dos sabores para as crianças. Pode provar todos os sabores para as crianças sem vergonha de ser feliz) e Suco de Clorofila (para purificar, alcalinizar, etc.)

17 comentários

  1. Tatiane Alves disse:

    Olá Raphaella adorei o seu post, muito completo e informativo.
    Mas, o que mais me chamou atenção foi a informação sobre as garrafas dos sucos com BPA Free (sem Bisfenol). Pois, estou desenvolvendo um produto similar a sucos naturais e gostaria de adquirir garrafas com BPA Free, mas, está difícil encontrar na minha região quem forneça ou fabrique. Gostaria, se possível, de obter essa informação.

  2. Pedro Martins disse:

    Somos fabricantes de máquinas extratoras de suco.

    1. Ludmara Zimmermann Silva disse:

      Pedro Martins tenho interesse em saber. Me contacte: nutricionistaludzimmermann@gmail.com

    2. Danielle disse:

      Quero seu contato , tenho interesse na máquina

    3. Tatiane Alves disse:

      Olá, tenho interesse na máquina.
      Aguardo seu contato.
      tatiane360@gmail.com

    4. adriana disse:

      Olá Pedro Gostaaria de saber mais sobre sua máquina, pode enviar e-mail para adrianagenguini@hotmail.com

  3. Pedro Martins disse:

    Parabenizamos pelo site… e informamos nosso contato. Somos fabricantes de máquinas extratoras de suco.

  4. victor kimura disse:

    O telefone que tem no site deles não funciona e ninguém responde meus e-mails, conhece outra forma de contato ? Trabalho num estabelecimento que tem interesse no produto.

    1. Raphinadas disse:

      Victor,
      O telefone de qual dos sucos te interessa? Posso tentar te ajudar com isso.
      abs
      Raphaella

  5. Grasiella Nunes disse:

    Raphaela você sabe onde encontramos estas prensas???

    1. Raphinadas disse:

      Grasiella,
      Infelizmente eu não sei, mas procuraria nos sites estrangeiros.
      bjs
      Rapha

  6. Letícia disse:

    Olá!!

    Sou fã dos sucos prensados também! Porém aqui em SP não temos tantos pontos fixos de venda, só comércio online mesmo.

    Adorei seu post, demais!!

    Queria saber mais sobre esse metódo, como o suco é “prensado” rs? Ele é esmagado?
    Qual aparelho que faz uma coisa dessas? rs!

    Abs
    Letícia

    1. Raphinadas disse:

      Letícia,
      É isso mesmo. Eles usam um processo similar ao do azeite. se você puder veja esse vídeo. Ele está em inglês, mas aparece o processo. A máquina é da pequenas, mas dá para entender o princípio.

      https://www.youtube.com/watch?v=mQl9rLeoaN4

      bjs,
      Rapha

    2. Simone disse:

      Olá tudo bem? Sou de São Paulo e não tenho encontrado muitos pontos de venda destes sucos. A única marca que encontro com maior facilidade é a natural one. Você pode me ajudar? Obrigada.

  7. adriele alcântara disse:

    Você me ajudou demaaais! adorei o post e sou fã assumida dos sucos prensados a frio.

    1. Adriele,

      Que bom saber! Também sou uma grande fã. Tomo todo dia. bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *