Segredos da Mala Perfeita para o Verão Carioca

  • Alline da Costa conta os segredos para fazer uma mala perfeita para o verão carioca (foto de divulgação).
  • foto de divulgação
  • foto de divulgação
  • foto de divulgação
  • foto de divulgação
  • foto de divulgação

por Alline da Costa

Gente,

A Alline é designer e produtora de Moda com formação em Personal Stylish na Fit. Ela é uma das pessoas mais doces que já conheci, muito linda e dona de um senso estético incrível. Resolvi abusar e pedir para ela escrever um S.O.S. de moda em viagem para o blog. Essa é apenas a primeira sugestão dela. Vamos torcer para vir mais dicas de ouro!

Fiz as malas para o Rio há mais ou menos 11 anos atrás, me apaixonei pelo clima alto astral e muito descontraído da cidade e não voltei mais para minha cidade no interior do estado. Passei e passo muito calor aqui, mas me considero uma carioca, carioca de alma!

Ainda nem chegou o verão e os termômetros já marcaram 40 graus. Mas o céu já ficou com cara de chuva, tivemos vento de mudança de tempo, tudo isso na mesma semana. Embora essa inconstância faça parte do nosso clima tropical tem feito parte do dia a dia da cidade ultimamente. Não tivemos inverno esse ano, tivemos algumas frentes frias e isso refrescou um pouco.

Então se você está pensando em vir passar alguns dias na Cidade Maravilhosa, pode trazer o biquíni sem medo, mas coloca um casaquinho na mala, por precaução.

Carioca é conhecido como low-profile mas nem por isso vive de havaianas e regata por todo lugar para onde vai. Então é preciso ter bom senso na hora de fazer a mala. Ir à um restaurante de regata (se você é homem) não é bonito, não é elegante, então não faça, nem no Rio e nem em lugar nenhum. Assim como shorts muito apertados e curtos (meninas, é para vocês!). Na praia a regata e o short são permitidos. Minha dica é colocar na bolsa da praia uma blusa ou uma bata com uma cara “mais arrumada” para depois poder ir sem medo jantar no Bazzar, restaurante super bacana que fica na Livraria da Travessa no shopping Leblon, esse tem sido meu restaurante preferido nos últimos tempos. Um vestido pode substituir o short e a bata. Você pode ir jantar de havaianas, essa é a vantagem da cidade, o look da praia vai ao shopping sem constrangimento, apenas lembre-se do bom senso ali de cima.

A maquiagem durante o dia não é carregada, ou vai derreter com o sol e o calor. Mas pode caprichar para sair à noite, a cidade é recheada de festinhas, boates e bares. E como a parte urbana se mistura com a praiana a cidade tem sua diversidade, você irá encontrar meninas de vestido e sandalinha rasteira até saltos altos e super finos e olhos marcados.

Mas se você não estiver interessado apenas em conhecer o Cristo Redentor e Copacabana, e estiver pensando em ir ao Teatro Municipal assistir a um concerto ou visitar o Museu de Belas Artes guarde as suas havaianas. Não é obrigatório vestir “black-tie” para entrar no Municipal, mas nesses lugares bermudas e shorts não entram. Prefira uma calça jeans + camisa + blazer, o blazer também não é obrigatório. As meninas podem usar rasteirinha (viva!) mas um vestido com salto alto cai super bem.

Além das roupas apropriadas para as ocasiões e eventos, sapatos confortáveis são imprescindíveis na hora da viagem, seja ela para qual destino for. Não sou fã de tênis como aqueles de academia que a maioria dos homens adora, a menos que você realmente esteja indo fazer exercícios. Para um passeio prefira um all star (que deixou de ser símbolo de rebeldia e hoje ocupa lugar cult nos pés de homens e mulheres) ou um top sider. Como as meninas têm muito mais opções apenas escolha o que for mais confortável para poder andar durante horas, sem bolhas e sem dores.

Aproveitem a estadia, chequem o clima tempo antes de fazerem a reserva e boa viagem!

  • Checklist da mala:

Menina

– Biquíni – pode ser uma parte de baixo e duas de cima (ou vice-versa) assim você pode misturar e ir à praia com biquínis diferentes.

– Shorts.

– Blusas/camisas ou batas.

– Vestido – um mais arrumado para sair à noite e um mais despojado para ir à praia ou dar um passeio no fim da tarde.

– Rasteirinha ou algum outro sapato confortável – nós temos havaianas sendo vendidas em todos os lugares da cidade, deixa para comprar aqui.

– Salto alto – apenas se achar muito necessário, no Rio de Janeiro não é obrigatório até por que todas as calçadas são de pedra portuguesa, que são conhecidas como assassinas do salto alto!

Menino

– Sunga ou short surf – o segundo eu acho muito mais bonito seca rápido e você pode usar para ir almoçar depois da praia.

– Blusas e camisas – não gosto de regata, como vocês já perceberam, mas se quiser usar na praia pode trazer sim.

– Calça e bermuda de alfaiataria – bermuda.

– Sapato confortável.

Para todos!!

– Para ir à praia é bom ter uma bolsa impermeável, 1 toalha e uma canga para estender na areia

– Filtro solar e bronzeador – não podem faltar!

3 comentários

  1. Erasmo disse:

    Bem interessante.

  2. Beatriz disse:

    Adorei esse post! É ótimo ter dicas de quem entende para se vestir em viagem, essa parte é sempre um drama! Parabéns!

    1. Raphinadas disse:

      Beatriz,
      A Aline arrasou mesmo. Eu também faço muito drama. rs
      bjs
      Rapha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *